Organização

TED e DOC: entenda qual a diferença entre os dois tipos de transferência


A transferência bancária surgiu para facilitar a vida das pessoas. Quem precisa fazer essa transação, seja online ou presencialmente, pode escolher entre uma Transferência Eletrônica Disponível (TED) ou um Documento de Ordem de Crédito (DOC).

Sendo estas duas formas de transferência as mais antigas, com o advento do PIX recentemente, foram implementadas algumas novidades em relação a esses dois tipos de transferências. Leia este artigo e fique por dentro.

Como escolher entre fazer um TED ou um DOC

enter image description here

Você faz a escolha de quando o dinheiro deverá cair na conta do destinatário, e dependendo do valor a ser transferido você opta por um ou por outro. Para entender melhor, primeiro vale saber o que é e como funciona cada um deles.

O que é TED?

Transferência Eletrônica Disponível (TED) é a movimentação de dinheiro entre contas sem restrição de valor.

O que é DOC?

O DOC é o Documento de Ordem de Crédito. Diferente do TED que permite transferência com valores acima de R$ 5 mil, o DOC permite o valor máximo de até R$ 4.999,99.

Quais os horários para fazer o TED?

Em relação ao prazo, o TED funciona assim: se transferido até às 17h, o dinheiro entra na conta no mesmo dia, caso contrário só no próximo dia útil.

Quais os horários para fazer o DOC?

O DOC cai na conta no dia útil seguinte ou em até 2 dias úteis em caso de finais de semana, feriados ou realizado após às 22h.

Existe valor mínimo para transferência através de TED ou DOC?

Para ambos não existe valor mínimo de transferência.

Atenção: o DOC vai ser extinto

banner acordo quero quitar

Até recentemente, as transferências via DOC fizeram parte do dia a dia de milhares de pessoas. Porém, em maio deste ano, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) divulgou um calendário sobre o fim do Documento de Ordem de Crédito, o que será válido para todos os bancos.

E sabe por quê? Porque com a implementação do Pix, se tornou ainda mais prático enviar e receber dinheiro de outros contatos. Assim, o DOC será descontinuado e já tem data para acabar.

A Febraban anunciou que em 15 de janeiro de 2024, será o último dia para ser ofertado a possibilidade de envio e agendamento de DOC, e que em 29 de fevereiro de 2024, acaba a execução das transferências via DOC.

Bancos como o Santander já encerraram as atividades do DOC em 28 de agosto de 2023. Mas, não se preocupe! Você terá outras possibilidades de tipos de transferências: o TED, que continuará ativo, e o Pix.

Quanto custa fazer uma transação via TED?

Cada instituição bancária pode determinar o valor cobrado por cada serviço, por isso é importante saber quanto sai do seu bolso em cada uma delas, consultando a tabela de serviços do seu banco.

Em algumas instituições existem pacotes de serviços que incluem uma quantidade mensal de transações sem cobrança extra, onde você paga um valor fixo no pacote de serviços e só paga a tarifa avulsa se exceder a quantidade definida no pacote.

As transações bancárias feitas pela internet costumam ter tarifas menores, e o PIX é inteiramente gratuito.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroQuitar

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP