Organização

Cadastro Único 2024: como atualizar para recebimento dos benefícios


O que é necessário para fazer o Cadastro Único?

O Cadastro Único é um instrumento que o governo criou nos últimos anos para identificar e caracterizar as famílias de baixa renda. Com o Cad Único é possível localizar com mais facilidade pessoas que precisam acessar programas sociais do governo federal.

Para se inscrever no Cadastro Único 2024 é necessário apresentar os seguintes documentos:

Responsável pela família

  • Documento de identificação com foto

  • CPF (preferencialmente) ou Título de Eleitor

  • Comprovante de endereço. Na ausência deste, declaração de residência.

Outros membros da família

Pelo menos, um desses documentos: Certidão de Nascimento; Certidão de Casamento; CPF; Carteira de Identidade (RG); Carteira de Trabalho; Título de Eleitor.

Quais são os benefícios do Cadastro Único 2024?

enter image description here

O Cadastro Único 2024 se tornou a porta de entrada para uma série de benefícios sociais do governo federal. A partir dele os brasileiros podem acessar programas como:

  • Bolsa Família

  • Auxílio Brasil

  • Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)

  • Programa Carteira Verde e Amarela

  • Minha Casa Minha Vida

  • Tarifa Social de Energia Elétrica

  • Tarifa Social de Água

  • Bolsa de Iniciação Científica Júnior

  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

  • Benefício de Prestação Continuada (BPC)

Regras para participar do Cadastro Único

Embora se trate de um programa abrangente, para participar do Cadastro Único 2024 a família deve atender a alguns critérios:

  • É necessário ter uma renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo.

  • Ou ter uma renda familiar mensal total de até três salários.

Além disso, é fundamental que a pessoa e a sua família morem em território brasileiro, e tenha um responsável familiar que declare todos os membros da família e as informações sobre a renda e os bens da família.

Como se cadastrar no CadÚnico 2024?

A inscrição no Cadastro Único 2024 pode ser feita em qualquer unidade de atendimento do governo federal, como:

  • Centro de Referência de Assistência Social (CRAS)

  • Prefeituras

  • Secretarias de Assistência Social dos estados e municípios

  • Agências da Caixa Econômica Federal

Para se cadastrar, o responsável familiar deve comparecer à unidade de atendimento com os documentos necessários e responder a um questionário sobre a situação da família para assegurar que se enquadram no programa.

Como verificar a necessidade de atualização cadastral no Bolsa Família em 2024?

É importante esclarecer que a renovação cadastral não ocorre diretamente no programa Bolsa Família 2024, mas sim no Cadastro Único 2024.

Algumas categorias específicas são obrigadas a realizar esse procedimento, sendo notificadas pelo governo federal quanto ao prazo limite para fazê-lo.

É fundamental que o representante da família esteja atento não apenas às mensagens recebidas, mas também aos prazos estabelecidos para a conclusão desse processo.

Vale lembrar que a pessoa encarregada dos direitos e responsabilidades do grupo no programa é o beneficiário principal, e assim é a pessoa central que deve estar atenta a essas questões.

Nesse sentido, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) utiliza diferentes canais para comunicar a necessidade de renovação cadastral, incluindo:

App Meu CadÚnico

Ao acessar o aplicativo o usuário encontrará um card com a mensagem indicando a data limite para a renovação dos dados.

App Bolsa Família

Ao entrar no aplicativo, haverá um card específico informando sobre a necessidade de renovação cadastral.

App Caixa Tem

Durante a consulta de saldo, o aplicativo notificará sobre a importância da renovação cadastral.

Extrato de pagamento do benefício emitido no caixa eletrônico

O extrato de pagamento obtido no caixa eletrônico também servirá como meio de comunicação sobre a renovação cadastral.

Quando é necessária a renovação cadastral no Bolsa Família 2024?

banner acordo quero quitar

Cadastro Único ocorreu há mais de dois anos. Manter as informações atualizadas é fundamental para garantir a continuidade do benefício e para refletir com precisão a situação econômica da família;

Sempre que houver alterações na renda da família, seja para mais ou para menos, é essencial realizar a renovação cadastral. Isso garante que o benefício seja ajustado de acordo com a realidade financeira atual da família;

Se um novo membro nasceu ou se um membro deixou a família, seja por falecimento ou por ter se casado e saído de casa, a renovação cadastral é obrigatória. Com isso, pode-se assegurar que a composição familiar registrada esteja sempre atualizada;

A confirmação de uma gravidez é um momento importante para a renovação cadastral. Essa informação influencia diretamente os critérios de elegibilidade e o valor do benefício, considerando a nova realidade familiar;

Mudanças de endereço também demandam a atualização cadastral. Manter o endereço correto é importante para garantir que as comunicações e pagamentos do Bolsa Família sejam direcionados corretamente;

Caso haja a transferência de escola de crianças ou adolescentes da família, é importante refletir essa mudança na renovação cadastral. Isso ajuda a manter as informações educacionais atualizadas e a assegurar a adequação dos benefícios.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroQuitar

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP