Dívidas

Recebi carta de cobrança do SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista: O que significa?


Se você tem alguma pendência, seja por um atraso recente, ou por falta de pagamento antigo, ou até mesmo uma dívida que foi “esquecida”, é bem provável que receba pelo Correios uma carta de cobrança, isso significa que: você pode estar com alguma restrição em seu CPF e nome negativado junto aos órgãos de proteção ao crédito – o tão temido “nome sujo na praça”.

Estar com o “nome sujo na praça”, refere-se ao termo popular que indica que o consumidor é visto como um não bom pagador e está devendo nas empresas nas quais comprou um determinado produto ou serviço. Nada mais é que, ter o Cadastro de Pessoa Física (CPF) inscrito em um banco de dados de restrição ao crédito.

A carta de cobrança é um comunicado formal enviada por uma empresa para clientes inadimplentes com o intuito de informá-los sobre dívidas em aberto. Caso você não tenha pagado qualquer conta na data correta de vencimento, é interessante que faça uma pesquisa pelo seu CPF, pois não existe um prazo mínimo para que seu nome vá para o SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista.

É importante ter em mente que, basta o atraso de somente 1 dia do pagamento de uma conta, para ficar negativado, já que toda e qualquer empresa tem a liberdade de cobrar o devedor a contar de 1 dia do primeiro atraso de um vencimento. Porém, as empresas credoras preferem esperar o prazo de 1 mês para que o consumidor tenha a possibilidade de quitar o valor, ainda que com atraso.

É possível que a empresa também cobre o valor por outros canais de contato mais comuns, tais como aviso por SMS, contato telefônico, comunicado por email e mensagem por WhatsApp.

O que fazer diante da restrição em meu CPF e nome negativado junto aos órgãos de proteção ao crédito?

Antes de falarmos sobre o que fazer diante da restrição em seu CPF e nome negativado, vamos entender quais são as empresas responsáveis pela inscrição das informações dos devedores no banco de dados de restrição ao crédito.

Atualmente as mais conhecidas e usadas pelas empresas que desejam fazer qualquer tipo de cobrança a um cliente referente a título vencido, são:

  • SPC (Serviço de Proteção ao Crédito);
  • Serasa (Serasa Experian);
  • SCPC-Boa Vista (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Todos eles são órgãos que tem a função de criar uma lista com os dados de pessoas físicas ou jurídicas que contém inadimplência e pagamentos em atraso – em resumo eles têm a função de reunir dados enviados por lojas, bancos e financeiras para dar apoio aos negócios, no intuito de, com um banco de dados, ter as informações com apontamentos sobre dívidas vencidas e não pagas, cheques sem fundos, protestos de títulos e outros registros públicos e oficiais.

banner acordo quero quitar

Vale lembrar que, a decisão de incluir o nome do consumidor SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista, é feita pela empresa que não recebeu o pagamento da conta. E é ela que tira o nome do cliente da lista, após o pagamento da dívida.

Temos 4 dicas para você tirar seu CPF e nome do SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista

Homem fazendo as contas das dívidas para negociação

Agora que te explicamos quais são as empresas responsáveis pela inscrição das informações dos devedores no banco de dados de restrição ao crédito, vamos te orientar para você saber o que fazer diante dessa situação.

Continua com a gente, pois temos 4 dicas para você tirar seu CPF e nome do SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista.

  1. A primeira dica para voltar a ter uma vida financeira saudável, é considerar uma negociação de dívidas, uma vez que após o pagamento em um curto espaço de tempo, é feita a retirada do nome dos órgãos de proteção ao crédito. Para isso você deve conhecer o tamanho das suas dívidas, saber o valor atualizado, o total para pagamento à vista e as opções de parcelamento;
  2. A segunda dica é fazer um planejamento mensal das suas finanças. Você só vai conseguir renegociar os seus débitos se tiver dinheiro sobrando. Portanto, analise as contas e veja o que pode estar desequilibrando o seu orçamento. Procure reservar no mínimo 10% do seu salário para negociar as suas dívidas;
  3. A terceira dica é conhecer e estudar as opções na hora de negociar uma dívida, uma vez que a escolha da empresa com a plataforma de negociação é tão importante quanto vantajoso para o seu bolso. Com a ajuda da QueroQuitar você pode consultar suas dívidas e regularizar suas pendências financeiras de forma prática e segura pelo nosso site www.queroquitar.com.br (opens new window), e ainda com acesso gratuito e ofertas de negociação;
  4. Acordo feito, a quarta dica é manter os pagamentos sem atrasos, para não resultar em uma outra renegociação, ou seja, é importante realizar o pagamento até o dia do vencimento evitando um novo acordo de uma dívida que já foi feita a negociação. Cumpra com o combinado.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Logo QueroQuitar laranja vertical

A QueroQuitar é a plataforma de negociação criada para facilitar a sua vida.

Consulte grátis!

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroRenda

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP