Dívidas

Quantos dias posso atrasar o pagamento de um acordo


Saber com quantos dias pode atrasar um acordo é uma dúvida bem comum. Isso o ajudará a se planejar e evitar uma quebra de acordo.

Então saiba que, junto às empresas credoras e parceiras da QueroQuitar, apesar de cada uma ter seu prazo, a média pode variar de 1 (um), até 60 (sessenta) dias de atraso, para que ocorra a quebra do contrato. Para entender melhor o assunto leia o artigo.

Você tinha uma dívida e conseguiu fazer um acordo. Mas aí vieram outros compromissos. Surgiu um imprevisto e as contas apertaram. Você não queria, mas não conseguiu fazer o pagamento do acordo.

Então surgiu a dúvida. Será que o acordo ainda está valendo? O que acontece quando atrasa o pagamento? E o principal:

Quantos dias posso atrasar um acordo?

Além disso, é preciso também entender e se fazer algumas perguntas:

  • Quais são as consequências do atraso?
  • Quais os motivos que levaram ao atraso?
  • O que posso fazer para não atrasar de novo?
  • O que é possível fazer para consertar a situação?

Fizemos esse artigo especial para você entender essas questões e conhecer algumas soluções.

O que causa a quebra de um acordo?

Existem alguns motivos para quebra de um acordo. O ideal é prestar atenção para não deixar nenhum deles atrapalharem a sua negociação.

Afinal, um acordo que muitas vezes é uma renegociação de dívida, possui condições diferenciadas, como taxas de juros mais baixas e parcelamentos especiais. Tudo oferecido pelo credor para facilitar a sua vida. Jogar tudo isso fora por falta de atenção, pode ser um grande erro.

Isso porque quando um acordo é desfeito, a dívida volta a ter as caraterísticas originais, sujeita a juros mais altos e sem facilidades no pagamento. Assim sendo, veja os motivos que levam a uma quebra de acordo:

Atraso no pagamento

Se por algum motivo você deixou de pagar uma parcela ou atrasou o valor à vista, o acordo poderá ser cancelado. Nesse caso, tudo que foi acordado deixa de valer e a dívida volta a ter as condições do contrato original.

Nesses casos, não há como voltar às condições acertadas, pois como não foram cumpridas, o contrato foi quebrado. O melhor caminho é tentar fazer um novo acordo com a empresa credora.

Mas afinal, por quantos dias posso atrasar um acordo?

Depende! Cada credor trabalha com um prazo para pagamento em atraso. Isso leva em conta tanto a entrada, quanto o número de parcelas.

Por isso, quando você perceber que vai atrasar uma parcela, o ideal é entrar em contato com a empresa credora. Se o credor for parceiro da QueroQuitar, você também pode nos contatar. Veja as formas de contato para essa situação:

Pagamento não identificado

Digamos que você tenha pago seu boleto dentro da data de vencimento e mesmo assim, não houve baixa de pagamento. O que fazer nesse caso?

Após 7 dias úteis de você ter efetuado o pagamento, que é o prazo máximo para baixa do boleto, é fácil resolver. Envie o comprovante de pagamento para o e-mail: contato@queroquitar.com.br. Daremos um retorno o quanto antes.

Estando o pagamento dentro do prazo, o acordo é refeito sem qualquer consequência para você.

Solicitação de cancelamento

Nos primeiros 7 dias do seu acordo ou antes de qualquer pagamento, os credores permitem o cancelamento do acordo caso você queira desistir.

Mas preste atenção: uma vez que o acordo foi cancelado, você perderá todas as condições especiais.

O que acontece se eu quebrar um acordo?

Quebrar um acordo nunca é uma boa opção. Mas caso ocorra, veja o que pode acontecer:

Nome negativado

Mais importante do que saber quantos dias pode atrasar um acordo, é tentar não romper o compromisso. Seja por atraso ou por não pagamento, descumprido o acordo, seu nome volta a aparecer nos órgãos de proteção ao crédito.

A dívida é reintegrada à lista de inadimplentes e você não consegue crédito na praça. Nada de financiamentos, compras parceladas, empréstimos, cartão de crédito e aberturas de conta, entre outras perdas.

Volta às condições da dívida original

Quando um acordo é desfeito, sua dívida volta às condições originais, antes do acordo. Juros e multas voltam a ser aplicados sobre o valor original e não ao do acordo.

Dificuldade para fazer um novo acordo

Ao quebrar um acordo, além de perder os benefícios da negociação, como por exemplo as condições de pagamento, você terá dificuldade em fazer um novo contrato com o credor. Isso porque o não cumprimento do primeiro, gera uma quebra de confiança. Então é possível que as novas condições não sejam tão boas quanto as do acordo original.

Como evitar que um acordo seja quebrado

Existem algumas maneiras de evitar a quebra de acordo. Na maioria das vezes é necessário um esforço da parte do endividado.

Planejamento

Ao fazer um acordo para o pagamento da dívida, faça um bom planejamento financeiro. Isso envolve fazer uma planilha de gastos mensais e suas fontes de receita. Não comprometa mais do que 30% do que ganha com o pagamento de dívidas.

Pagamento à vista

Tente pagar o valor total à vista. A maioria dos credores dão bons descontos para pagamento à vista.

Na QueroQuitar por exemplo, você sempre encontra as melhores ofertas, principalmente para pagamento à vista. Escolha a que cabe no seu bolso. Clique aqui (opens new window) para ver as opções.

Parcelamento da dívida

Pode acontecer de você estar em um momento de maior aperto financeiro. Se não conseguir pagar à vista, tente fazer um parcelamento.

Na QueroQuitar, você vai encontrar condições de parcelamento imperdíveis. Basta escolher a que cabe no seu bolso. Clique aqui (opens new window) para ver as opções.

Vale lembrar que após o pagamento do acordo, tanto à vista, ou da primeira parcela, a empresa onde você comprou ou tomou empréstimo, tem um prazo de 5 a 7 dias úteis para retirar seu nome dos órgãos de proteção ao crédito.

Caso tenha passado este período, entre em contato com a QueroQuitar.

Tente ao máximo manter seu acordo

Pense bem antes de quebrar seu acordo. Com certeza isso só irá trazer mais dor de cabeça do que benefícios. Nome sujo, falta de acesso a financiamentos, abertura de conta, empréstimos, cartões de crédito. A lista é grande.

Ao invés de tentar descobrir quantos dias pode atrasar um acordo, pense bem e faça um que conseguirá pagar. Quanto antes terminar, melhor. Porque viver sem dívidas é ter a liberdade para fazer planos futuros com maior tranquilidade.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Logo QueroQuitar laranja vertical

A QueroQuitar é a plataforma de negociação criada para facilitar a sua vida.

Consulte grátis!

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroRenda

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP