Crédito

Tive o cartão de crédito bloqueado, e agora?


Se você teve o seu cartão principal ou adicional bloqueado e não entendeu o que aconteceu, saiba que existem vários motivos que podem levar a essa ação. O desativamento pode ser feito pelo próprio titular do cartão, ou seja, o proprietário pode solicitar o bloqueio caso tenha sido roubado ou furtado, se perdeu o cartão, ou por qualquer outro motivo, e até mesmo caso ele queira interromper a atividade do cartão para cortar gastos temporariamente. Se esse não é o seu caso, confira algumas razões que podem levar o banco ou a administradora do cartão a efetuar o bloqueio, além de algumas dicas para resolver o problema e evitar que isso aconteça.

Mas afinal, o que significa ter o cartão de crédito bloqueado?

Existem algumas razões que podem ocasionar o bloqueio indesejado do seu cartão de crédito. Antes de tudo, vamos esclarecer que, o bloqueio do cartão de crédito nada mais é que o ato de desativar o cartão para uso, isso significa que o cartão uma vez bloqueado, você não poderá usá-lo para pagar suas compras. Ter o cartão de crédito bloqueado pode causar alguns transtornos, sobretudo se você for pego de surpresa e tiver de enfrentar o constrangimento de ter o pagamento negado. E o bloqueio do seu cartão de crédito pode ser feito diretamente pela administradora o ou até mesmo pelo seu banco e em alguns casos especiais como: por motivos de segurança do cliente ou da empresa responsável pelo cartão.

Para a segurança do cliente, pode ocorrer quando a senha do cartão é digitada errada três vezes seguidas, ou quando há suspeita de fraudes ou clonagem em casos de compras consideradas suspeitas, como compras com valores muito diferentes do que o usual, por exemplo. Outra razão pode ser um longo tempo de inatividade do cartão, ou o fim da validade do cartão, que está descrito no próprio objeto. Porém, para a segurança da própria administradora do cartão, o bloqueio pode acontecer quando o cliente atrasa ou não paga a sua fatura.

Todas a possíveis situações que podem levar ao bloqueio do seu cartão:

banner acordo quero quitar

Cartão bloqueado por falta de pagamento da fatura;

Os bancos oferecem a possibilidade de pagamento total da fatura, ou o chamado pagamento mínimo, que permite ao cliente pagar um percentual, normalmente de 10% da fatura, e parcelar o valor restante. O não pagamento da fatura pode ser usado como motivo para o bloqueio do cartão.

Cartão bloqueado por senha digitada errada;

Isso acontece quando você digita a senha do próprio cartão errada por três vezes seguidas, os bancos podem tomar a decisão de bloquear o cartão por suspeita de fraude, roubo ou uso indevido.

Cartão bloqueado por vencimento / validade do objeto;

O seu cartão tem uma data de vencimento e ao expirar essa data ele é bloqueado automaticamente. Quando o cartão expira, ou seja, passa do vencimento, ele deixa de servir para uso em compras.

Cartão bloqueado por suspeita de fraude;

Esse é um dos bloqueios que visa garantir a segurança da sua conta bancária. Um cartão de crédito pode ser bloqueado se houver desconfiança sobre seu uso, um exemplo é a uma transação realizada com o cartão no Brasil e dois minutos depois verificar que foi realizada outra transação em um país distante. Movimentações estranhas realizadas em lugares distantes, podem gerar o bloqueio imediato do cartão.

Cartão bloqueado por pequenas movimentações consecutivas;

Outra situação que indica fraude, é a realização de diversas compras de baixo valor, realizadas em um curto espaço de tempo.

Cartão bloqueado por compras anormais;

Compras em estabelecimentos diferentes dos que o consumidor costuma frequentar também podem levantar suspeitas de fraude.

Cartão bloqueado por transações grandes;

Ao realizar uma transação por um valor muito superior ao usual, o banco também pode bloquear o cartão.

Cartão bloqueado por encerramento da conta pelo titular;

Quando o titular cancela sua conta, ele e os dependentes podem ter o cartão bloqueado.

Cartão bloqueado por manutenção no sistema do banco;

Alguns bancos podem suspender os cartões para realizar manutenções no sistema ou diante de falhas.

Cartão bloqueado por fatura contestada;

Quando o cliente abre um processo de contestação para verificação da sua fatura, em casos que não concorda com uma ou mais despesas cobradas, a administradora poderá fazer uma investigação e, caso haja suspeita de fraude, o cartão é bloqueado.

Cartão bloqueado para uso em caso de novo cartão.

Quando você faz o pedido de um cartão de crédito, o produto chega bloqueado por questões de segurança. Assim, antes de fazer qualquer compra, é preciso que o cliente siga o procedimento de desbloqueio solicitado pela instituição financeira.

Cartão bloqueado: saiba como agir

Homem idoso segurando o seu cartão de crédito e falando ao telefone

Caso seu cartão seja bloqueado por alguma dessas situações mencionadas acima, ou caso haja o bloqueio do seu cartão sem o seu consentimento, entre em contato com a central de atendimento da administradora ou com o seu banco, para saber mais sobre o procedimento necessário para que seja feito o desbloqueio. Dependendo da situação, o desbloqueio será simples, bastando um contato telefônico e a confirmação de alguns dados pessoais. Dependendo do caso, não é possível realizar o desbloqueio do cartão após seu bloqueio, sendo necessário solicitar outro cartão ou até mesmo comparecer à sua agência bancária.

Seja qual for o motivo, tenha em mente que ter o cartão de crédito bloqueado é uma situação muito comum, e que é importante manter o pagamento da fatura em dia, bem como conhecer as situações que podem vir a levar à suspensão do seu cartão. Estar atento e conferir faturas, vencimentos e compras realizadas, é um dever do consumidor preocupado com suas finanças.

Como evitar bloqueios no meu cartão?

Algumas ações simples do dia a dia podem ajudar a evitar o bloqueio do cartão de crédito. Confira abaixo algumas dicas:

- Mantenha suas senhas salvas em um local de confiança, se conseguir memorizar também é ainda melhor;

- Se precisar fazer algum tipo de compra maior, comunique o gerente da sua agência com antecedência para evitar o bloqueio automático, como por exemplo, caso você precise fazer uma compra em um valor mais alto ou uma compra internacional;

- Se você está com uma dívida grande de cartão e chegou em níveis preocupantes, converse com seu banco e mostre que você deseja regularizar a situação da melhor forma possível, que deseja fazer a negociação dos valores em aberto;

- Fique atento à sua conta e as compras que aparecem em sua fatura. A qualquer sinal de inconsistência, entre em contato com a administradora do seu cartão. Se perceber algum tipo de comportamento não usual relacionado ao cartão de crédito, não aguarde e entre em contato nos canais de atendimento do seu banco o quanto antes.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Logo QueroQuitar laranja vertical

A QueroQuitar é a plataforma de negociação criada para facilitar a sua vida.

Consulte grátis!

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroRenda

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP