Crédito

Score baixo: entenda mais


O termo "Score" é usado para a pontuação do consumidor para conseguir crédito na praça, ou seja, nessa hora é importante não estar com o "nome sujo na praça", uma vez que isso indica que o consumidor é visto como um mau pagador e está devendo nas empresas nas quais comprou um determinado produto ou serviço, e com certeza está no Cadastro de Pessoa Física (CPF) inscrito em um banco de dados de restrição ao crédito.

A pontuação do Score, indica com base em vários critérios, se um consumidor é bom ou mau pagador, e diante disso, se ele deve ou não ter acesso ao crédito.

E tem como objetivo saber qual é a probabilidade desse consumidor vir a não honrar com pagamento em uma empresa ou se endividar durante o ano. Esses são alguns dos dados que devem ser levados em consideração para a formação de uma boa pontuação, o que alguns órgãos chamam também de Cadastro Positivo.

Saber como melhorar sua pontuação é a chave da questão para que você aumente seu Score. Um Score pode variar e vai de 0 a 1000 – calculado a partir de informações importantes que indicam o perfil de um consumidor e as chances que ele tem de pagar suas contas em dia – o que acaba por refletir o seu comportamento financeiro.

Mas não se preocupe, essa não é uma pontuação fixa, ela se atualiza diariamente. Além disso, seguindo as dicas que vamos mostrar aqui, é bem possível que você consiga melhorar seu Score baixo.

O que é Score baixo?

Score baixo é ter uma pontuação abaixo de 500 e é uma atenção para o banco, pois ele pode te considerar um mau pagador, ou porque atrasou pagamentos, ou porque está com dívidas em aberto. Isso acaba tendo impactos em sua vida financeira e crédito no mercado.

Cabe ressaltar que as dívidas negativadas são um importante fator para o cálculo do Score, porém não o único. As informações do Cadastro Positivo (que incluem pagamentos de contratos de crédito, como cartão, financiamento, empréstimo pessoal etc.) representam 62% da pontuação total.

Caso você não esteja com o Cadastro Positivo ativo ou tenha pouca informação de crédito (parcelas com valores baixos, poucos contratos ou apenas contratos muito recentes), isso pode explicar a queda na pontuação. Porém, conforme você vai pagando suas faturas e parcelas em dia, o Score tende a aumentar.

Basicamente para Score baixo, no cálculo se considera entre outros fatores, o histórico de pagamentos, desde as contas do dia a dia até financiamentos mais longos. E é com essa informação, os credores avaliam se, dentro de sua política de crédito – cada empresa estabelece a sua – o consumidor pode receber prazos e taxas mais adequados ao seu perfil.

Como consultar Score?

banner acordo quero quitar

É possível consultar o Score por meio de um cadastro e consulta grátis em órgãos de proteção ao crédito. Esses órgãos têm à disposição listas com os dados de pessoas físicas ou jurídicas, que estão com o nome sujo ou possuem pagamentos em atraso.

Consultar o Score pode ser mais simples do que você imagina. Para isso, basta ter em mãos dados básicos como CPF, e-mail, telefone e cadastrar-se em um dos sites dos órgãos de proteção ao crédito.

Com poucos cliques é possível verificar sua pontuação para ter uma ideia de como está a reputação de seu CPF, e saber com base em sua vida financeira, se você está com um status de bom ou mau pagador perante o mercado.

Quem avalia o Score?

Mão feminina contabilizando moedas

Por ter o maior volume de informações em sua base de dados, as empresas responsáveis pela inscrição das informações dos devedores no banco de dados de restrição ao crédito – quem avalia o Score – e também são as mais conhecidas e usadas para consultas pelos credores que desejam fazer qualquer tipo de cobrança a um cliente referente a título vencido, são:

- SPC (Serviço de Proteção ao Crédito);

- Serasa (Serasa Experian);

- SCPC-Boa Vista (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Todos eles são órgãos que tem a função de criar uma lista com os dados de pessoas físicas ou jurídicas que contém inadimplência e pagamentos em atraso – em resumo eles têm a função de reunir dados enviados por lojas, bancos e financeiras para dar apoio aos negócios, no intuito de, com um banco de dados, ter as informações com apontamentos sobre dívidas vencidas e não pagas, cheques sem fundos, protestos de títulos e outros registros públicos e oficiais.

Vale lembrar que, a decisão de incluir o nome do consumidor SPC, Serasa e SCPC-Boa Vista, é feita pela empresa que não recebeu o pagamento da conta. E é ela que tira o nome do cliente da lista, após o pagamento da dívida.

Bancos, lojas e empresas utilizam os sistemas de consulta de Score para avaliar o consumidor na hora de conceder crédito.

As empresas que normalmente utilizam o a consulta do Score são:

- Bancos e instituições;

- Seguradoras de automóveis;

- Construtoras e imobiliárias;

- Operadoras de internet e telefonia;

- Lojas de departamento;

- Financiamentos estudantis.

Cada usuário é pontuado de acordo com a análise de uma série de fatores, como:

  1. Pagamentos de contas em dia;
  2. Histórico de dívidas negativadas;
  3. Relacionamento financeiro com empresas;
  4. Dados cadastrais atualizados.

Como aumentar meu Score rápido e grátis?

Score alto

Não ter dívida e bons hábitos financeiros são de fato a regra número 1 para você resolver seu problema de Score baixo.

A única forma de subir sua pontuação e com isso aumentar seu Score rápido e grátis, é pagar suas contas em dia. O Score é calculado a partir do seu comportamento financeiro, a pontuação varia de 0 a 1000 e indica para o mercado quais são as chances de você pagar suas contas na data certa.

Limpar o nome também é fundamental. Se você tem dívidas atrasadas, negocie com os credores e pague todas elas. Essa deve ser a sua prioridade. Sem isso, dificilmente você vai conseguir mudar o jeito que o mercado analisa o seu cadastro.

Apesar de não existir um tempo exato para aumentar o Score, ao manter bons hábitos financeiros e pagar todas as suas dívidas, sua pontuação irá começar a melhorar a partir de três meses.

O mais importante é manter os bons hábitos como consumidor.

- Pague as contas sempre em dia, cuidado para não se queimar no mercado. Não se esqueça de pagar as contas;

- Mantenha seu nome limpo;

- Atualize seus dados cadastrais na Cadastro Positivo;

- Abra o Cadastro Positivo;

- Lembre-se que a pontuação é dinâmica e pode mudar de um dia para o outro. Essas variações dependem de como você se comporta em relação ao mercado;

- Tenha seu cadastro positivado com ações simples, como contas pagas de (água, gás, luz, telefone fixo) em dia e compras parceladas pagas no prazo.

É importante ter em mente que o mercado analisa a sua pontualidade no pagamento dessas contas. E caso você tenha se endividado, tente quitar a dívida o mais rápido possível. Ter uma pendência em aberto não ajuda quem quer aumentar o Score.

As regras são simples: nome limpo, contas em dia, dados atualizados e Cadastro Positivo. Se você colocar tudo isso em prática, vai conseguir aumentar a sua pontuação.

E ao alcançar mais de 500 pontos, já é possível considerar como uma avaliação positiva, no entanto, o ideal é ter acima de 700. Boa pontuação é indicação de mais possibilidades e facilidades junto as instituições que concedem crédito, como empréstimos, financiamentos, compras parceladas, cartão de crédito e assinaturas de serviços.

Qual Score é bom?

Mão masculina pagando compra no cartão

Para o consumidor, o Score é uma ferramenta poderosa, uma vez que com um Score positivo, suas chances de aprovação de pedidos de cartão de crédito, empréstimos e financiamentos aumentam consideravelmente. A lógica é a mesma: as financeiras têm interesse em criar relação com pessoas que possuem reputação de bons pagadores, pois os riscos de inadimplência e atrasos são menores.

Mas afinal, qual Score é bom?

A pontuação do Score vai de zero a 1000 pontos. Até 300 pontos há alto risco de inadimplência. Entre 300 e 700, o risco é médio. Acima de 700 pontos, o risco de inadimplência é baixo. Sendo assim um Score bom é todo aquele acima de 700 pontos.

E sim, o Score pode ajudar a conseguir crédito! Com base na sua pontuação, as empresas podem oferecer as melhores condições de crédito de acordo com o perfil do consumidor. Dessa forma, é possível garantir juros mais baixos e melhores condições de parcelamento.

E mais, com o Score, a empresa credora pode verificar, por exemplo, que, apesar de existir uma dívida em atraso, as demais contas estão todas em dia. Nesse caso, o atraso pode representar uma exceção e não a regra, e mostrar que vale pena dar a esse consumidor crédito, com mais prazo e até mesmo menos juros.

Compartilhe:

Artigos Relacionados

Card CTA

Logo QueroQuitar laranja vertical

A QueroQuitar é a plataforma de negociação criada para facilitar a sua vida.

Consulte grátis!

Na QueroQuitar você fecha acordos com até 98% de desconto!

Consulte seu CPF e veja as melhores ofertas para quitar dívidas.

QueroRenda

Curta os nossos canais

Uma iniciativa QueroQuitar

Educação financeira é parte fundamental de uma vida tranquila. Pensando nisso, a QueroQuitar está produzindo vídeos e conteúdos para que você tenha mais conhecimento e tome melhores decisões sobre como lidar com seu dinheiro

Inscreva-se para receber nossa Newsletter preencha os campos abaixo.

Conheça nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Uso. WhatsApp - E-mail: contato@queroquitar.com.br
Copyright ©2015-2020 www.queroquitar.com.br, TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Todo o conteúdo do site, todas as fotos, imagens, logotipos, marcas, dizeres, som, software, conjunto imagem, layout, aqui veiculados são de propriedade exclusiva da QueroQuitar S.A. É vedada qualquer reprodução, total ou parcial, de qualquer elemento de identidade, sem expressa autorização. A violação de qualquer direito mencionado implicará na responsabilização cível e criminal nos termos da Lei. Respeitamos todos os itens que nos cabe previstos na LEI Nº 12.965, DE 23 DE ABRIL DE 2014. E o DECRETO Nº 8.771, DE 11 DE MAIO DE 2016 QueroQuitar S.A - CNPJ: 54.042.668/0001-20 - R. Bahia, 843 - Higienópolis - CEP: 01244-001 - São Paulo - SP